DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Cresce o número de lesados pela Brasil Courier

Um grupo que aumenta cada vez mais se uniu para tentar encontrar uma ação legal contra a empresa de mudanças Brasil Courier, que fechou há algumas semanas, sem dar nenhuma explicação a clientes que esperam há meses que suas caixas cheguem ao destino. A empresa se manifestou minimamente em seu site, o que cria muita especulação.

O grupo foi criado no site de relacionamento Facebook, intitulado “Enganados pela BR Courier”. Até o fechamento desta edição, já havia 142 membros que enviaram caixas de diversos estados americanos.

Muitos sugerem que se faça uma denúncia no juizado de Small Claims contra a empresa. Ao mesmo tempo, outros membros, com medo por estarem no país sem documentos, sentem-se desencorajados. Alguns que descobriram onde estão suas caixas, tentam ainda encontrar a pessoa cujo nome está como responsável pelo contêiner. Outro membro já fala em FBI.

A maioria das pessoas que estão conseguindo alguma notícia de seus contêineres é a que enviou da Costa Oeste para o Porto de Paranaguá (PR) e Itajaí (SC). Um cliente, que enviou de New Jersey para Santos, em novembro do ano passado, não conseguiu obter informações sobre suas caixas.

Enquanto isso, a BR Courier fez a seguinte declaração em seu website:
“A BR Courier comunica a todos seus clientes que seguirá entregando os volumes que se encontram no Brasil, já liberados ou em fase de liberação. “Clientes da BR Courier que tenham bens que ainda se encontram em depósito da empresa nos Estados Unidos, receberão comunicado agendando devolução dos mesmos nas próximas semanas. Contatos deverão ser feitos somente pelo endereço eletrônico: contato@brasilcourier.com”.

Comments

comments

Marisa Arruda Barbosa
Marisa Arruda Barbosa
Paulistana, formada em Jornalismo pela University of South Florida (St. Petersburg) e em História pela PUC-SP. Atua no Gazeta Brazilian News desde 2010.