DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Corinthians vence no sufoco o Paysandu

Só na base do abafa para o Corinthians vencer o Paysandu, por 3 a 2, nesta quinta-feira à noite, no Pacaembu. Bobô e Dinélson saíram do banco para fazer a alegria da Fiel, que lotou o estádio para empurrar o time para cima dos paraenses.

Mas não foi tão fácil como os corintianos imaginavam. A forte marcação do Paysandu travou o Corinthians na primeira etapa. Na força e na “porrada” a ordem era não deixar a bola chegar a Tevez e Jô. E não chegou. O Corinthians tinha total controle, mas não assustava.

Se a proposta do Paysandu era empatar, a situação ficou melhor depois que Ronny derrubou Robson dentro da área. Pênalti. Na cobrança, o atacante não deu chance para Fábio Costa: 1 a 0.

Aos 20, Edson recebeu passe de Rosinei e carimbou a trave. Seis minutos depois, o Paysandu ficou com um a menos – Alex Pinho foi expulso depois de aplicar uma “tesoura” em Edson. Mesmo em vantagem numérica, o Corinthians não levava perigo. Na melhor chance, Mascherano arriscou de longe e Alexandre Fávaro se esticou todo e jogou para escanteio.

Márcio Bittencourt abriu o Corinthians no segundo tempo. Sacou o volante argentino e colocou o atacante Bobô. Com uma dose de sorte, o garoto iniciou a reação corintiana. Bobô recebeu de Tevez e chutou. A bola desviou na zaga e encobriu Alexandre Fávaro. Três minutos depois, Dinélson, de cabeça, colocou o Corinthians na frente.

Com o resultado na mão, a equipe perdeu a cabeça. Betão foi expulso depois de cometer falta e discutir com o juiz. Em seguida, foi a vez de Bobô ir mais cedo para o chuveiro. O jogo ficou dramático depois que Robson, mais uma vez, empatou para o Paysandu: 2 a 2.

Aos 41, Jô fez grande jogada individual e garantiu a vitória corintiana. De virada, mais uma vez.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
196