DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Cidadãos norte-americanos estão 'gordos demais para raios-X'

Um número cada vez maior de norte-americanos está se tornando gordo demais para caber nas máquinas de raio-X e de ultra-som, é o que informa pesquisa publicada no último número da revista especializada Radiology.

O aumento do problema de obesidade entre os cidadãos dos Estados Unidos não quer dizer apenas que eles são grandes demais para os aparelhos, mas também que têm gordura demais para as ondas sonoras penetrarem.

De acordo com o estudo divulgado na Radiology, o número de exames que falharam por conta da obesidade dos pacientes dobrou nos últimos 15 anos.

O problema não está limitado aos aparelhos de raio-X, no entanto,alguns centros médicos já ampliaram o tamanho de suas camas para atender pacientes obesos.

E as companhias aéreas estão desenvolvendo aviões com capacidade de carregar mais peso, porque os passageiros estão ficando maiores.

Grande ocorrência

O grupo de cientistas, liderada pelo médico Raul Uppot, do Hospital Geral de Massachusetts, observou uma ocorrência cada vez maior de pessoas cujo tamanho os impedia de passar por exames radiológicos.

Uppot e sua equipe decidiram então avaliar os registros radiológicos entre 1989 e 2003 para verificar a extensão do problema.

Ano a ano, eles verificaram um pequeno, mas significativo, aumento no número de exames que tiveram que ser abandonados porque o paciente era gordo demais.

Imagens de ultra-som foram as mais afetadas, porque as ondas sonoras precisam penetrar a pele e o tecido adiposo antes de chegar aos órgãos que precisam ser examinados.

Os autores do estudo advertiram que diagnósticos importantes poderiam ser perdidos se as pessoas não puderem ser examinadas.

Segundo o governo dos Estados Unidos, 64% da população americana está acima do peso ideal.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
223