DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Cerimônias relembram 1 ano do massacre da boate Pulse

Voluntários formaram o “Exército de Anjos” para apoiar a comunidade LGTB após o massacre. Foto: Orlando Sentinel.

Familiares, sobreviventes e amigos das vítimas do tiroteio em massa na boate Pulse estão reunidos desde a madrugada desta segunda-feira, 12, em frente ao clube, para relembrar o aniversário de um ano de um dos piores massacres do país.

A primeira cerimônia aconteceu durante a madrugada dentro da boate e foi programada justamente no mesmo horário em que o atirador começou a disparar contra as pessoas que lá estavam: pouco depois das 2 horas da manhã do dia 12 de junho. A cerimônia foi fechada apenas para família e sobreviventes do massacre.

A cerimônia dentro da boate deu início a um dia inteiro de eventos em homenagem às vítimas e aos sobreviventes. Serão mais três eventos principais ao longo do dia: um ao meio dia realizado em frente à boate, uma reunião noturna chamada Orlando Love: Remembering Our Angels e, finalmente, uma festa cheia de música realizada na Pulse.

As igrejas da cidade tocarão os sinos simultaneamente 49 vezes ao meio dia.

A cidade de Orlando, em colaboração com a boate, declarou esta segunda-feira como “Orlando United Day – A Day of Love and Kindness”.

“Este dia é dedicado à memória e à honra das 49 vidas inocentes tomadas na boate, reafirma o compromisso da comunidade com sobreviventes e entes queridos, bem como reconhece a compaixão global e o amor exibidos na sequência da tragédia”, disseram autoridades da cidade em um comunicado.

Relembre o crime

No dia 12 de junho de 2016, quarenta e nove pessoas foram mortas e mais de 58 ficaram feridas quando o atirador, Omar Mateen, abriu fogo nas pessoas dentro da boate gay.

O atirador prometeu fidelidade ao Estado islâmico durante o ataque e depois foi morto pela polícia. Sua esposa, Noor Salman, atualmente está enfrentando acusações por envolvimento, ajuda, instigação e obstrução no tribunal federal. Ela se declarou inocente.

Com informações do Orlando Sentinel.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,

Gazeta News
Gazeta News
227