DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Celular rural digital triplica risco de tumor, diz pesquisa

Risco de contrair tumor cerebral é três vezes maior em áreas rurais, segundo estudo
As pessoas que usam telefone celular digital em áreas rurais correm três vezes mais risco de desenvolver tumor no cérebro do que aquelas que usam nas zonas urbanas, segundo estudo do University Hospital de Orebro, na Suécia.
O estudo foi publicado no jornal especializado Occupational and Environmental Medicine.

Os pesquisadores suecos avaliaram 1,4 mil adultos com idade entre 20 e 80 anos que tinham diagnóstico de tumor cerebral benigno ou maligno e comparou-os a adultos saudáveis vivendo na mesma área.

Segundo os cientistas, o uso de telefones analógicos ou sem fio não tinha qualquer efeito.

No entanto, eles constataram que moradores das zonas rurais que usavam celulares digitais tinham três vezes mais chances de desenvolver o tumor do que os usuários urbanos, que tinham o mesmo risco da população em geral.

Especificamente para tumores malignos, o risco é oito vezes maior para aqueles que vivem na zona rural.

Segundo o chefe da equipe de pesquisadores, professor Lennart Hardell, a causa do aumento do risco parece ser as emissões de microondas elevadas dos celulares em zonas rurais, porque as estações-base estão mais distantes umas das outras do que nas cidades.

Os telefones analógicos têm a mesma emissão, onde quer que sejam utilizados.

Mais pesquisa

Os próprios pesquisadores, no entanto, afirmam que os dados encontrados se referem a um número pequeno de pessoas.

“Meu conselho seria adotar o princípio da precaução. Use kits viva voz quando possível e as crianças só devem usar celular quando necessário”, disse Hardell.

“Precisamos de futuras pesquisas para avaliar o efeito dos equipamentos residenciais.”

Para Michael Clark, especialista em radiação da Agência de Proteção Sanitária da Grã-Bretanha, a pesquisa é interessante, mas incluiu apenas um pequeno número de pessoas.

“Recomendamos precaução no uso desses aparelhos por causa da incertezas em nosso conhecimento dessa tecnologia amplamente utilizada”, disse.

“As pessoas, especialmente as crianças, devem reduzir ao mínimo o uso até que as pesquisas sejam avaliadas apropriadamente nos próximos anos.”

Para o diretor executivo da Associação de Operadoras de Celular da Grã-Bretanha, Mike Dolan, o “estudo gera hipóteses, na melhor interpretação”.

“As constatações não acompanham os resultados de estudos recentes na Dinamarca e na Suécia que não encontraram ligação entre tumores cerebrais e uso de celular”, disse.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
274