DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Botox: Dermatologista esclarece 10 dúvidas sobre o assunto

botox-siteO botox entrou na rotina de beleza de muita gente que pretende evitar os temidos sinais da idade. Chega de rugas ou linhas de expressão! O momento, agora, é de investir na toxina botulínica para ter resultados imediatos e duradouros.

Envelhecer com a pele de bebê está muito mais acessível do que antes! E é aí que mora o problema e quando surgem as dúvidas quanto a eficácia e resultados positivos da toxina, já que várias pessoas famosas, ou até mesmo desconhecidas, não tiveram um experiência muito agradável aos nossos olhos.
Mas, afinal, o uso exagerado do botox pode causar paralisias faciais permanentes? O efeito pode diminuir depois de um tempo? A nossa dermatologista parceira Dra. Paula Marsicano responde a essas e outras dúvidas sobre o assunto. Confira:

1. Como o botox funciona quando aplicado à pele?
Dra. Paula Marsicano – Quando se faz a aplicação de botox no rosto ou em outras áreas, a toxina botulínica atua junto a receptores neuromusculares, impedindo a transmissão dos impulsos do neurônio para o músculo e, com isso, a sua contração, relaxando a musculatura. É isso que faz com que haja um relaxamento das linhas de expressão, pois há o relaxamento dsses músculos, que causam as rugas dinâmicas, como quando franzimos a testa, ou nas rugas de “pés-de-galinha”, assumindo grande importância na melhora estética.

2. Ele pode levar à paralisia muscular definitiva?
Dra. Paula Marsicano – Não. O efeito é temporário e localizado, ou seja, apenas no local da aplicação.

3. Quem pode fazer a aplicação de botox?
Dra. Paula Marsicano – A princípio qualquer pessoa pode realizar a aplicação de botox, sendo inclusive, em casos de doenças específicas, aplicado até em crianças. Para fins estéticos, no entanto, isso pode ser feito a partir dos 20-25 anos, como forma de prevenir a formação de algumas linhas de expressão. A partir dos 30-35 anos, começamos a utilizar o botox como auxiliar no tratamentos dessas rugas. Ou seja, não há idade determinada para início do tratamento.

4. Ele serve apenas para rejuvenescimento facial?
Dra. Paula Marsicano – Na dermatologia, a aplicação do botox está indicada nos casos onde há formação de linhas de expressão ou para tratamento do suor excessivo:
• Rugas na testa (linhas de expressão);
• Rugas entre as sobrancelhas (glabela);
• Rugas periorbiculares (pés-de-galinha);
• Hiperidrose axilar (suor excessivo nas axilas);
• Hiperidrose palmar e plantar (sudorese nos pés e mãos);
• Sorriso gingival;
• Poros dilatados (Mesobotox);
• Nos músculos: depressor do ângulo da boca ;
• Plastima (pescoço), Mentoniano, e Região Mandibular – “Lifting de Nefertiti”, logo abaixo do ponto mais acentuado do osso da mandíbula e em outros lugares da região do pescoço. O procedimento causa na zona tratada um relaxamento nos feixes musculares, fazendo com que os outros músculos fiquem contraídos. O resultado da aplicação é o levantamento da linha do maxilar, dando um ar muito mais jovial à paciente, de modo a melhorar seu desenho e deixá-lo mais firme. O lifting de Nefertiti também é conhecido por minilifting de pescoço.

5. Muitas pessoas ficam sem expressão quando usam botox. Isso sempre acontece?
Dra. Paula Marsicano – A aplicação de botox é muito segura, principalmente quando realizada por um dermatologista ou outro médico especializado na sua aplicação. Durante muito tempo, houve um certo medo por parte de algumas pessoas que pensavam que ficariam “sem expressão”, mas isso não ocorre, se feito corretamente. Assim, para o tratamento de linhas de expressão, a aplicação de botox no rosto ainda é um dos tratamentos mais utilizados até hoje.

6. Como é o modo de aplicação?
Dra. Paula Marsicano – É importante, no meu entender, não haver padronização exagerada do número de pontos e unidades aplicadas, uma vez que cada pessoa é bastante individual em suas expressões. A marcação é fundamental para se estabelecer os pontos corretos da aplicação e evitar assimetria: 1) O paciente á convidado a fazer os movimentos específicos e com caneta especial se marcam os pontos desejados; 2) O paciente pode permanecer sentado, inclinado entre 45º a 60º ou mesmo deitado somente para aplicação; 3) É utilizado agulha e seringa de insulina; 4) Na limpeza da área deve-se evitar soluções alcóolicas.

7. Como fica a pele após o tratamento com o botox?
Dra. Paula Marsicano – Imediatamente após a aplicação de botox pode-se notar pequenas pápulas (elevações na pele), que normalizam em poucos minutos. Em poucos casos pode-se atingir alguns vasinhos pequenos, levando a pequena equimose (“hematoma”), que pode durar alguns dias, e deve-se evitar exposição ao sol.

8. Qual é o prazo para que a aplicação tenha efeito? Qual é o tempo de duração? E de quanto em quanto tempo deve ser feita a manutenção?
Dra. Paula Marsicano – A toxina botulínica começa sua ação a partir de 48-72 horas e tem a duração de 3 a 6 meses, com a média em torno de quatro meses. Logo, para a manutenção do efeito, a reaplicação deve ser realizada a cada 4-6 meses.

9. Quais os cuidados pós-aplicação?
Dra. Paula Marsicano – Evitar manipulação, fricção no local aplicado; permanecer com cabeça posição vertical por 4 horas; evitar exercícios violentos por 24-48 horas; e evitar exposição ao sol.

10. Existem cuidados para que o produto dure por mais tempo?
Dra. Paula Marsicano – A) Uso pré e no dia da aplicação de Zytaze (Fitase + Zinco).
Há uma explicação científica para que haja uma variação na durabilidade da ação do botox. Para ser eficaz, cada molécula da toxina deve ser associada a uma molécula de zinco. Sem zinco, a toxina tem pouco ou nenhum efeito. Então, se uma pessoa tem quantidades inadequadas de zinco, a toxina terá um efeito significativamente diminuído. Níveis de zinco no corpo são aumentados pela ingestão de alimentos como frango, carne bovina, suína, ovos, cereais integrais, feijões e leguminosas. Mas, nem todo mundo possui uma boa absorção do nutriente pelo organismo. É aí que entram os suplementos. A Fitase é um novo suplemento aprovado pelo Food and Drug Administration (FDA), que promete aumentar e prolongar o efeito do botox. O estudo mostra que, quando ingerimos a Fitase, o zinco fixa melhor a toxina no músculo, aumentando em 23.6% a sua duração. A Fitase ajuda e aumenta a absorção do zinco pelo organismo e deve ser tomada quatro a cinco dias antes e no dia da aplicação do botox. O Zytaze é um medicamento feito da combinação de fitase e zinco, lançado nos EUA. B) Evitar atividades físicas extenuantes. Complementando, existem evidências científicas de que a toxina botulínica pode ter a sua duração reduzida em pacientes com atividade física extenuante. Isso ocorre tanto pela hipertrofia muscular facial desses pacientes quanto a contração exercida durante o exercício. C) Fazer uso de óculos solares em caso de exposição solar ou claridade intensa (a fim de evitar a contração dos músculos da glabela).

Baixe nosso app:

Comments

comments

Tags: ,,

Priscila Honorato
Priscila Honorato
Pricila Honorato é natural de Brasília, graduada em jornalismo. No Brasil, já foi produtora, repórter e assessora de imprensa. Hoje, atua na área de beleza, como maquiadora profissional e designer de sobrancelha, e se mantém antenada a um estilo de vida saudável.
237