DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Avião da TAM acelerou inexplicavelmente no pouso

Imagens feitas pela Infraero revelam que o pouso do Airbus da TAM foi
feito no ponto normal do aeroporto de Congonhas, mas, inexplicavelmente, em vez de uma desaceleração, houve uma aceleração abrupta da aeronave. A informação é de técnicos do governo envolvidos nas investigações.

O avião da TAM que fazia o vôo 3054, proveniente de Porto Alegre e com 186
pessoas a bordo, derrapou ao pousar na pista nova do aeroporto de Congonhas ,
atravessou a Avenida Washington Luiz sem tocar no asfalto e explodiu dentro do
prédio da TAM Express, a empresa de remessas da própria companhia. Segundo
fontes do governo, a velocidade foi tão grande que o avião arrebentou uma mureta
de concreto no caminho e, em vez de descer a rampa, passou direto e bateu no
prédio.

Segundo essa fonte do governo, em geral, numa filmagem como a que está sendo
analisada, um avião leva 16 segundos para sair da tela. O da TAM levou 3
segundos.

– Essa é uma diferença brutal de velocidade – afirmou o técnico. – E mostra uma
aceleração inexplicável.

A última imagem mostra ainda que havia muita espuma no pneu do avião. De acordo
com o especialista, é como se o reverso estivesse aberto e o piloto tentasse
frear.

Segundo a fonte ouvida pelo jornal “O Globo”, parece ter havido indecisão do
piloto, mas é prematuro falar em causas do acidente. Os investigadores, porém,
não descartam ainda que tenha havido problemas a aeronave. Os fatos serão
esclarecidos com a análise dos dados da caixa-preta, que mostrarão o diálogo
entre piloto e co-piloto.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
167