DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Afinal, como está Creuzenir?

Por Atilano Muradas

Todos aqueles que souberam do caso de Creuzenir Cores, vez e outra, se perguntam: “Afinal, como está Creuzenir, a moça de 20 anos que veio do interior de Rondônia para realizar o sonho de morar nos Estados Unidos e se acidentou?”.

O acidente comoveu a comunidade brasileira. Creuzenir, desde menina, sonhava vir morar nos Estados Unidos, o que só aconteceu em 2006, aos 20 anos de idade. O destino, no entanto, pregou-lhe uma inesperada peça. Com apenas 21 dias de América, ela sofreu um terrível acidente que quase lhe custou a vida, em 28 de outubro de 2006, na Military com a 48 Street. Aceitando o insistente convite de Rogério, um amigo, Creuzenir foi dar uma volta de moto, sentada na garupa. Assim que saíram do condomínio, no primeiro retorno, eles bateram com um carro. Rogério faleceu dias depois. Creuzenir, no entanto, sobreviveu milagrosamente, mas em estado grave.

À época, o acidente foi noticiado pelos jornais brasileiros, porém, com o passar do tempo, o fato foi esquecido. Contudo, o povo nunca esqueceu Creuzenir. Igrejas, empresas, e pessoas isoladas, cada um a seu modo, recolhiam ofertas e faziam pequenas campanhas para ajudá-la. Em vários lugares se viam caixas de doações. Isso despertou a imprensa que voltou a dar crédito ao fato e a publicar mais matérias sobre o caso solicitando que as pessoas fizessem doações de dinheiro a ela. Comunidade e imprensa unidas foi a dupla perfeita para que uma campanha oficial fosse marcada para 15 de abril, quando foram arrecadados mais de 20 mil dólares.

Sete dias depois, no dia 22 de abril, Creuzenir voltou para o Brasil. Passou um dia em Manaus por conta da escala do avião UTI que a levava e, no dia seguinte, chegou a Vilhena e foi internada numa clínica.

Enquanto isso, aqui nos Estados Unidos, no dia 28 de abril, o casal Henrique e Meire, pais de Joãozinho, o menino que morreu com um tumor na cabeça aos 12 anos, no dia primeiro de abril, fez uma rifa da moto do garoto e arrecadou para Creuzenir 12 mil dólares.
O sucesso da campanha para ajudar Creuzenir tem motivado um grupo a formar uma associação para ajudar em casos semelhantes. O primeiro brasileiro que está sendo ajudado é Fábio Lima, que está com um tumor na cabeça.

Semanas depois de chegar ao Brasil, Creuzenir obteve alta do hospital e continua o tratamento em sua casa. Atualmente, ela tem acompanhamento de uma fisioterapeuta e já dá mostras de progresso no tratamento. Quando viajou para o Brasil estava totalmente imóvel. “Hoje ela já mexe um dos braços sinalizando que está entendendo o que lhe dizemos e já manda até beijos, e está se alimentando normalmente”, conta, entusiasmada, a mãe, Maria Lúcia, por telefone.

A família de Creuzenir já entrou com processo junto ao INSS para conseguir ajuda do Governo para o tratamento e está bastante esperançosa. Até que venha essa ajuda, Maria Lúcia está dependendo do apoio dos amigos e diz que ainda está realizando o tratamento com o dinheiro arrecadado na Flórida. “Graças a Deus temos esse dinheiro, mas até a ajuda do Governo sair, tenho que contar com a ajuda dos amigos e conseguir mais recursos”, diz Maria Lúcia.
Quem desejar fazer doações para Creuzenir poderá fazê-lo no Banco do Brasil, agência 407-X, conta 62669, CPF 566.200.042-53, em nome de Maria Lúcia da Silva.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
165