DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Adolescente de Goiânia se inspirou em crimes de escolas nos EUA e RJ

As vítimas João Vitor Gomes e João Pedro Calembo, ambos de 14 anos. Reprodução G1\TV Anhanguera.

O adolescentede 14 anos que atirou e matou dois colegas dentro da sala na última sexta-feira, 20, em Goiânia, premeditou o crime e disse à Polícia Civil que o fez baseado nosmassacres de Realengo (RJ) – onde 12 pessoas foram mortas na Escola Municipal Tasso da Silveira, em abril de 2011 -, e deColumbine (EUA) – onde 12 alunos e um professor foram mortos em abril de 1999.

No final da manhã de sexta-feira, entre o intervalo das aulas, o adolescente pegou a arma escondida na mochila e atirou em colegas dentro da sala de aula no Colégio Goyases.

Osestudantes João Vitor Gomes e João Pedro Calembo, ambos de 14 anos, morreram dentro da sala de aula. Os outros quatro alunos feridos, sendo três meninas e um menino, estão internados em hospitais da capital.

Funcionários da escoladetiveram o estudante até a chegada da polícia. Em depoimento, ele disse à polícia que um colega estava “amolando-o” e, baseado nos crimes citados no primeiro parágrafo, ele então decidiu agir. “Durante dois meses planejou a ação”, disse o delegado Luiz Gonzaga Júnior, titular da Delegacia Estadual de Apuração de Atos Infracionais (Depai).

O adolescente é filho de policiais militares e usou uma pistola .40, que é de uso da PM. Segundo o delegado, a arma pertence à mãe do garoto.

Os tiros

Colegas relataram que ouviram um barulho e logo em seguida viram o adolescente tirando a arma da mochila e atirando. Eles correram para fora da sala de aula, mas o aluno descarregou um cartucho, um dos tiros acertou primeiro o colega acusado de praticar bullying e posteriormente o outro. Depois carregou o segundo e deu um tiro, mas foi convencido pela coordenadora a travar a arma.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,

Gazeta News
Gazeta News
223