DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Acidente de trabalho mata capixaba em New Jersey

Após lutar pela vida por 13 dias no Hospital Universitário de New Brunswick, New Jersey, o imigrante Jair Francisco Couto, 33 anos, casado, natural de Aracruz, Espírito Santo, residente há 6 meses nos EUA, faleceu na segunda, 10, vítima de traumatismo craniano. Jair não resistiu à gravidade dos ferimentos provocados pela queda de uma escada quando instalava tubos em uma construção próxima à cidade de New Brunswick, NJ.
Segundo João Francisco Couto, irmão da vítima ,que também mora nos Estados Unidos, Jair trabalhava no reparo e instalação de tubulações para a empresa Baggio Home Pumbling, sediada na cidade de Union , NJ. No dia 27 de setembro, Couto despencou do alto de uma escada quando fazia a verificação final de alguns tubos no interior de uma casa em construção, bateu com a cabeça no piso de cimento e sofreu traumatismo craniano.
No Brasil, ele exercia a função de mecânico e estava trabalhando com tubulações há apenas duas semanas nos Estados Unidos.
“O patrão dele me falou que ele estava fazendo o “plumb” (tubulação) de uma casa e já estavam na etapa final. O Jair estava conferido umas tubulações de plástico que ele havia feito na parte de cima (da casa), aí ele caiu no buraco da escada e bateu com a cabeça no cimento. Ele foi levado para o hospital e ficou todos esses dias internado”, disse João.
Jair deixou três dependentes: a esposa Eliete Rosa Lopes Couto, de 31 anos, e os filhos menores Gabriel, de 4 anos, e Ramon, de 8 anos, todos residentes em Ipatinga, interior de Minas Gerais.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
153