DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Você sabe os sinais de que você está com fome?

Share

Você consegue descrever o que está sentindo quando “pensa” que está com fome? Quero dizer descrever sem usar a palavra fome. E agora você saberia descrever o que sente quando está ansiosa (o)? Acredite estes sentimentos podem ser confundidos e muitas vezes pode ser que não seja fome, mas apenas vontade de comer algo, por estar ansiosa (o).

  • Alguns nutricionistas já não prescrevem baseados em cardápios ou calorias/dia. O trabalho está voltado a inicialmente desestressar as pessoas com relação ao alimento.

Existem algumas semelhanças sim, mas o que tem acontecido é que com tantas regras do que se pode ou não se pode comer, muitas pessoas não conseguem mais perceber quando estão com fome ou quando estão ansiosas e pior ainda, muitas pessoas não conseguem mais perceber o que desejam comer.

Há muitos anos atrás, enquanto eu estava cursando a faculdade, um processor de neurofisiologia comentou sobre um estudo muito interessante. Nesse estudo durante dois meses foi oferecido para todas as crianças de um orfanato, em todas as refeições, todos os tipos de alimentos.Desde bolos, doces e sorvete até chicória. Nos primeiros dias ou semanas sem dúvida eles se esbaldaram nos doces. Mas o curioso, foi que após esses dias a alimentação das crianças passou a ser totalmente equilibrada com relação aos nutrientes e com relação às quantidades.

Sim, isso quer dizer que temos um mecanismo de controle de ingestão alimentar muito eficiente. Nós conseguimos saber o que precisamos comer e quanto precisamos comer. Essa habilidade também explica porque algumas crianças que têm vermes comem terra. Pode parecer estranho, mas uma das deficiências trazidas pelos vermes é a falta de ferro e na terra existe muito desse mineral. Muitas crianças e adultos não sabem que a terra contém ferro e acredito que todos saibam que não é saudável comer terra. O que leva a essa prática é a grande falta de ferro no organismo. O que aconteceu então com essa habilidade?

Inicialmente as pessoas que foram bombardeadas com informações contraditórias e chegaram ao estágio não conseguirem mais perceber o que desejam comer. Isso as levou a comerem o que julgam ser mais saudável ou menos engordativo, não dando importância para o que gostam ou desejam comer. Com essas informações vieram as proibições, algumas passadas por profissionais e outras auto aplicadas, como é o caso do glúten. Assim, chegamos ao momento atual no qual as pessoas não conseguem perceber o que precisam comer e morrem de vontade de comer o que foi proibido. Eu diria que é um péssimo momento.

Para solucionar esses problemas, alguns profissionais da área da saúde estão mudando a forma de orientar seus clientes. Alguns nutricionistas já não prescrevem baseados em cardápios ou calorias/dia. O trabalho está voltado a inicialmente desestressar as pessoas com relação ao alimento, retirando o pensamento fixo de que isso ou aquilo engorda e não pode ser comido. Depois reaprender a sentir fome e ter vontade de diferentes alimentos. Assim, aos poucos a pessoa vai retomando a percepção do que está sentindo. Aprende a diferenciar a fome da vontade de comer e encontra o equilíbrio.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Share
Ivani Manzo
Ivani Manzo
Dra. Ivani Manzo é doutora em Ciências pela Escola Paulista de Medicina UNIFESP – EPM com ênfase em obesidade, gestação e exercício. Em 2010 iniciou seus estudos em Life Coach e desde então trabalha ajudando as pessoas a alcançarem seus objetivos.
487